Home / Economia / Estaleiro de Itajaí vai construir quatro corvetas para Marinha do Brasil
Slider

Estaleiro de Itajaí vai construir quatro corvetas para Marinha do Brasil




11.12 – O Tribunal de Contas da União (TCU), arquivou no dia 27 de novembro, a denúncia apresentada pelo Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Pernambuco, que questionou vários itens da licitação das Corvetas. No voto do relator o ministro Augusto Sherman Cavalcanti, alegou não haver provas de irregularidades.

A assinatura do contrato da Marinha do Brasil e o consórcio Águas Azuis ficou para janeiro de 2020. O valor das construções das Corvetas é de US$ 1,6 bilhões, estimá-se que irá gerar 2.000 empregos diretos e 4 mil empregos indiretos no Estado catarinense.

O estaleiro Oceana, em Itajaí, foi escolhido pelo consórcio Águas Azuis para a construção das corvetas. A região do Vale do Itajaí no ápice da construção naval chegou a empregar mais de 10 mil pessoas, hoje esse número é de aproximadamente 2 mil. De acordo com as informações recebidas, a previsão que os trabalhos iniciem somente em 2021.

A expectativa é que a construção das corvetas traga novos projetos para a indústria local. A Marinha do Brasil planeja a construção de um novo navio patrulha, que poderá ser usado em missões na Antártida. E também há espaço para produção internacional: forças armadas do Paraguai e do Chile já teriam demonstrado interesse em usar os serviços do consórcio Águas Azuis.

Fonte: NSC

Foto: Arquivo

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Tarifa Social da Águas de Penha é apresentada a lideranças comunitárias

27.07 – A concessionária Águas de Penha está incentivando a adesão  dos consumidores em situação …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *