Home / Geral / Águas de Penha reativa poço artesiano do bairro Santa Lídia
Slider

Águas de Penha reativa poço artesiano do bairro Santa Lídia




10.09 – A Águas de Penha reativou o poço artesiano do bairro Santa Lídia, em Penha.  Colocado em operação no final de 2019, o equipamento apresentou presença de ferro, mesmo depois de todas as análises laboratoriais de potabilidade. A presença de ferro foi  devidamente corrigida com a instalação de um filtro de resina catiônica desferrizador, segundo explica Fernanda Barreto, Coordenadora de Águas de Penha.

Com capacidade de produzir 100 metros cúbicos de água por dia, o poço está localizado em uma região estratégica do município, além de reforçar o abastecimento à população, reduzindo a dependência da água captada no rio Piçarras. Além de possibilitar maior capacidade de abastecimento, o equipamento integra o conjunto de medidas que a concessionária vem realizando no município para amenizar os impactos do aumento do consumo de água, principalmente no verão.

“Os investimentos representam o compromisso da concessionária para aumentar nossa capacidade de produção”, destaca Fernanda. Ela reforça que a instalação do filtro foi projetada para assegurar água com qualidade e regularidade, mas é preciso que os moradores tenham hábitos conscientes de consumo. “É importante lembrar da responsabilidade de todos, já que economizar água é um ato de precaução e consciência”, finaliza.

Fonte: Buriti Jornalistas

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Inscrições para o Fies do segundo semestre têm início hoje

27.07 – Os estudantes que realizaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *