Home / Geral / Boletim Coronavírus: Governo do SC confirma 5.499 casos e 94 mortes por Covid-19
Slider

Boletim Coronavírus: Governo do SC confirma 5.499 casos e 94 mortes por Covid-19




20.05 – Santa Catarina chegou aos 5.499 pacientes com confirmação de infecção pelo novo coronavírus, dos quais 3.170 já se recuperaram e 2.235 estão em acompanhamento. O número foi divulgado pelo Governo do Estado em entrevista coletiva online nesta quarta-feira, 20. Desde o início da pandemia, 94 óbitos já foram causados pela doença respiratória. A taxa de letalidade atual é de 1,71%.

As mortes mais recentes são de dois homens (moradores de Concórdia, 50 anos, e de Papanduva, 75 anos) e uma mulher (residente em Joinville, 62 anos). Os três apresentavam fatores de risco.

Os municípios de Ibirama, Lauro Müller e São João Batista passaram a figurar na lista dos que já têm pelo menos um caso confirmado, que agora tem 177 cidades. O local com a maior quantidade é Chapecó, que registra 605 casos. Em seguida, estão Florianópolis (524), Blumenau (480), Joinville (323), Criciúma (314), Concórdia (278), Balneário Camboriú (224), Itajaí (213), Navegantes (178) e Braço do Norte (108).

Dos 1.210 leitos de UTI existentes pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina, há 702 ocupados, sendo 92 por pacientes com confirmação ou suspeita de infecção por coronavírus. A ocupação geral é de 58% e há 508 leitos vagos atualmente.

Fonte: Secom

 

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Navegantes: Acontece amanhã na praia do Gravatá e na Central o mutirão “Limpando o Mundo”

17.09 – O Grupo de Trabalho de Educação Ambiental de Navegantes com o apoio da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *