Home / Geral / Tire suas dúvidas sobre o reajuste da tabela do magistério em SC
Slider

Tire suas dúvidas sobre o reajuste da tabela do magistério em SC




20.10 – Nesta semana, o Governo do Estado apresentou à Assembleia Legislativa o projeto de lei que trata do reajuste da tabela do magistério. A iniciativa se soma à da remuneração mínima e é mais um passo no sentindo de valorizar os professores e a qualificação.

O mínimo remuneratório de R$ 5 mil para o professor com curso superior e carga horária de 40 horas será mantido?

A remuneração mínima adotada neste ano continua valendo. Assim, por exemplo, nenhum professor com curso superior e jornada semanal de 40 horas receberá menos de R$ 5 mil. No caso dos níveis salariais abaixo da remuneração mínima, um complemento será pago, da mesma forma como ocorre atualmente.

Como o Estado valoriza a qualificação do professor com este projeto?

R.: Os níveis mais altos de qualificação do magistério terão os maiores reajustes na tabela. No caso dos professores com doutorado, por exemplo, o reajuste passa de 56%.

Como faço para avançar na carreira?

R.: O Governo do Estado está investindo na oferta de bolsas de pós-graduação para os professores, inclusive para mestrado e doutorado. Fique atento às notícias da Secretaria de Estado da Educação para saber quando houver a publicação de novos editais.

Qual o impacto financeiro do projeto apresentado?

R.: O Governo do Estado vai investir mais de R$ 1 bilhão em 2022 para garantir tanto a remuneração mínima quanto o reajuste da tabela do magistério.

O reajuste da tabela do magistério se aplica aos servidores inativos?

R.: Sim, os professores aposentados também terão seus benefícios reajustados e o mínimo remuneratório garantido.

Qual o valor salarial máximo que o professor pode atingir na rede estadual?

R.: Considerando professores que tenham concluído doutorado e outros benefícios como o triênio, o salário máximo da rede estadual é de até R$ 11 mil.

A partir de quando o novo plano de carreira começa a valer?

R.: O projeto de lei que estabelecerá a nova tabela prevê o pagamento a partir de janeiro de 2022.

Fonte: Secom

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"



Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News" no Telegram!

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Nomeação – Juíza Aline Vasty Ferrandin assume a Comarca de Penha

07.08 – O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) confirmou o nome da juíza …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *