Home / Policia / Caiu de bruços: Assaltante é morto a tiros por comerciante no bairro Conde Vila Verde
Slider
Testemunhas afirmaram que o ladrão que já tinha assaltado a mesma conveniência em outra ocasião. Foto/Divulgação

Caiu de bruços: Assaltante é morto a tiros por comerciante no bairro Conde Vila Verde




11.11 – Por volta das 20h30, de ontem, um homem não identificado foi morto a tiros pelo proprietário de uma loja de conveniência que estava sendo vítima de assalto, no bairro Conde Vila Verde, em Camboriú. O assaltante morreu no local.

O comerciante, de 27 anos, contou aos policiais, que estava no pavimento superior de seu estabelecimento quando o homem entrou no pavimento térreo e ameaçou com uma arma funcionários e clientes, dizendo que era um assalto.

O proprietário da conveniência se armou de uma pistola 9mm, (registrada em seu nome) e atirou contra o assaltante, que caiu de bruços e morreu no local.

A Polícia Civil e do IGP fizeram os procedimentos de praxe, e, por fim, o autor dos disparos foi encaminhado à delegacia. A Polícia Civil abriu inquérito para apurar a ocorrência de roubo, homicídio e legítima defesa.

De acordo com a Polícia Militar, junto ao corpo do assaltante foi encontrado um simulacro (réplica) de arma de fogo na cor preta, quatro garrafas de bebida alcoólica e dois telefones celulares.

Testemunhas afirmaram que o ladrão que já tinha assaltado a mesma conveniência em outra ocasião.

 

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Balneário Camboriú: Funcionário dos Correios é preso pela Polícia Federal

06.12 – A partir de informações repassadas pela Agência dos Correios de Balneário Camboriú, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *