Home / Policia / EM GARUVA: PRF RECUPERA SEIS TONELADAS DE TILÁPIA ROUBADAS QUE VINHAM PRA PENHA
Slider

EM GARUVA: PRF RECUPERA SEIS TONELADAS DE TILÁPIA ROUBADAS QUE VINHAM PRA PENHA




17.02 – A PRF recuperou no final da manhã de hoje, em Garuva, seis toneladas de filés de tilápia que foram roubadas durante a madrugada. A carga seria entregue em Penha. Dois homens foram presos.

Segundo o motorista do caminhão VW, com placas de Penha, ele foi rendido por dois homens armados por volta das 3h, enquanto trazia a carga de Marechal Cândido Rondon/PR para a cidade Penha. Ele contou que foi obrigado a entrar em uma estrada rural onde outros comparsas da dupla aguardavam. Disse que os bandidos o obrigaram a ajudar a descarregar a mercadoria.

Depois de ser liberado, com o caminhão vazio, o motorista parou no Posto da PRF, na BR 101, em Joinville. Ele comunicou o roubo os policiais iniciaram uma busca na localidade rural de Baharas. Lá, localizaram um caminhão Mercedes Benz, com placas de Garuva com dois homens. Numa vistoria na carroceria encontraram sacos plásticos com o peixe congelado.

O motorista e o proprietário da carga roubada foram ao local e reconheceram os filés de tilápia que haviam sido roubados e também as caixas plásticas da empresa que estava transportando.

Os dois homens, de 54 e 37 anos, que foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia.

Fonte e foto: PRF

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Araquari: Polícia Federal deflagra operação para combater derrame de notas falsas de reais na região

22.10 – A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira a operação “Mascada 2”, com o objetivo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *