Home / Policia / Fake News: É falsa a informação que um abatedouro clandestino em Luiz Alves estaria produzindo linguiça com carne de cachorro
Slider

Fake News: É falsa a informação que um abatedouro clandestino em Luiz Alves estaria produzindo linguiça com carne de cachorro




20.09 – Uma notícia dizendo que a Polícia Militar teria lacrado um abatedouro clandestino, que estaria produzindo linguiça com carne de cachorro na cidade de Luiz Alves, viralizou nas redes sociais no dia de hoje. Em sua página oficial no facebook a prefeitura da cidade contestou a informações e confirmou que não passa de fake news.

A Polícia Militar de Luiz Alves confirmou que não houve nenhuma operação na cidade relacionada à notícia que está sendo veiculada na internet e conforma que a informação é falsa.

Já a Prefeitura orienta para os moradores e internautas não compartilharam a qualquer mansagem antes de pesquisar em fontes confiáveis.

Morro da Fumaça

A Polícia Civil apreendeu na última quinta-feira (16), mais de 500 kg de carne em um CTG (Centro de Tradições Gaúchas) do município. As carnes, no entanto, podem ser de cavalo ou mula e não de cachorro. Imagens mostram a suposta apreensão de carne de cachorro em Santa Catarina começaram a circular na internet após a operação policial em Morro da Fumaça.

O delegado Ulisses Gabriel, que comandou a operação, afirmou que mensagens que circulam na internet sobre a descoberta de carne de cachorro em SC são fake news.

Fotos de cães presos em canis em condições precárias e em abatedouros foram compartilhadas em um aplicativo de mensagens como se retratassem o que foi descoberto em Morro da Fumaça.

As imagens, no entanto, são de 2019. A ocorrência envolve a prisão de uma família suspeita de vender carne de cachorro em uma feira no Espírito Santo.

 

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"



Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News" no Telegram!

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Investigação – Polícia Civil investiga morte de criança de três anos em Penha

13.08 – A Polícia Civil investiga a morte do menino B.J., de três anos e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *