Home / Policia / Polícia Gaúcha faz operação no litoral norte catarinense contra quadrilha que atuava em roubo de cargas na divisa com a Argentina
Slider
A operação policial aconteceu em Tijucas, Itapema, Itajaí, Porto Belo e Penha - Foto/PC

Polícia Gaúcha faz operação no litoral norte catarinense contra quadrilha que atuava em roubo de cargas na divisa com a Argentina




27.10 – As cidades catarinenses alvo da operação foram Tijucas, Itapema, Itajaí, Porto Belo e Penha foram alvo de uma operação policial conduzida pela Polícia Civil do Rio Grande do Sul e contou com apoio de agentes de Santa Catarina, em combate a uma quadrilha que roubava e vendia de salmão, carnes nobres, queijos e chocolate vindos da Argentina. A polícia não divulgou se hove prisões em Santa Catarina.

A operação aconteceu ontem e as investigações apontam, que a quadrilha atuava nos estados Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo. Quatorze pessoas foram presas preventivamente e uma foi presa em flagrante.

Segundo a polícia, 22 ordens de busca e apreensão também foram cumpridas. As investigações apontaram que a quadrilha praticava roubos de cargas de alto valor na fronteira com a Argentina. Conforme a polícia, entre os anos de 2016 e 2020, foram identificados pelo menos 15 roubos desse tipo somente no Rio Grande do Sul. Os prejuízos ultrapassam R$ 10 milhões.

De acordo com a polícia, a quadrilha se dividia em dois núcleos: um deles ficava na cidade gaúcha de Uruguaiana e o outro no Litoral Norte de Santa Catarina. O líder de cada um dos núcleos contava com ajudantes aduaneiros. Eles atuavam repassando informações privilegiadas sobre o tipo de carga transportada pelos caminhões que ingressaram no Brasil por meio do porto seco de Uruguaiana.

Os criminosos então se preparavam para a abordagem aos veículos, que geralmente ocorria em rodovias federais entre as cidades de Uruguaiana, São Borja e Ijuí. A abordagem era feita por homens armados geralmente em dois veículos. O sistema de alarme de segurança dos caminhões era desativado e bloqueadores de sinal eram colocados nos veículos.

Durante as investigações diversas cargas roubadas foram recuperadas e criminosos foram presos em flagrante, sendo que um dos líderes da quadrilha teria aproveitado duas saídas temporárias para participar de dois roubos de carga de salmão mas acabou preso na Argentina por tráfico de drogas.

A investigação identificou 40 pessoas que participaram das ações e que serão indiciadas com o fim do inquérito policial.

Via: NSC

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"



Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News" no Telegram!

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Falso Médium – Homem que dizia incorporar “Madre Catarina” é denunciado em SC

11.08 – Um homem que teria ludibriado inúmeras vítimas com falsas promessas de cura, praticando …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *