Home / Policia / Trio é preso pela PF por tentar enviar cerca 900 quilos de cocaína pelos portos de Itajaí e Navegantes
Slider

Trio é preso pela PF por tentar enviar cerca 900 quilos de cocaína pelos portos de Itajaí e Navegantes




06.10 – O dono de uma empresa de logística de Itajaí, foi preso pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (6) durante a Operação “The Wall 2”. De acordo com o delegado Oscar Biffi, as investigações apontam que a empresa organizou o envio de 935 quilos de cocaína para o exterior. Ao todo, três pessoas foram presas.

A operação de envio contou com uma trading — uma empresa de exportação contratada para o serviço. Um representante dessa empresa também está entre os presos da operação. A investigação também apontou a participação de caminhoneiros e funcionários do porto no esquema, além da empresa de logística. Nomes não foram divulgados pela PF.

A droga foi descoberta em uma ação conjunta da Polícia Federal e da Receita Federal, em janeiro deste ano. A cocaína estava escondida em contêineres carregados com argamassa, que seriam enviados para a Europa. Os tabletes estavam dentro dos sacos de material de construção. Havia cinco quilos de pasta-base em cada embalagem de 20 quilos de argamassa.

O carregamento foi descoberto porque a carga foi classificada na análise de risco da Receita Federal, e então selecionada para passar pelo raio-X. Os contêineres já estavam na retroárea do Porto de Itajaí, onde ficam armazenados os contêineres, desde dezembro de 2019 – o tempo de espera é incomum, e chamou atenção da polícia.

Em depoimento, nesta terça-feira, os responsáveis pela carga disseram que a demora ocorreu por problemas na documentação.

A participação de caminhoneiros e funcionários do porto foi descoberta através de câmeras de segurança do local. De acordo com a investigação, eles simulavam um problema mecânico no caminhão para poder estacionar perto do contêiner onde colocariam a droga. Eles escolhiam um ponto difícil de ser visto pelo sistema de segurança (veja vídeo acima). Porém, em uma das ações, parte da carga acabou caindo do contêiner e foi abandonada pelo grupo, o que causou desconfiança à polícia.

Os empresários poderão responder por tráfico internacional de drogas por via marítima, que é considerada um agravante, e por associação criminosa. A Polícia Federal vai investigar se eles estão relacionados a alguma facção.

A investigação que resultou na operação “The Wall 2” apura a exportação de cocaína no Porto de Itajaí com destino aos países europeus. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em empresas e residências de sócios e de funcionários diretamente envolvidos no crime.

Na manhã desta terça-feira (6), além da “The Wall 2”, foi deflagrada a Operação Intrusão, com objetivo de desarticular grupos criminosos que utilizam os portos de Santa Catarina para enviar drogas para fora do país. As ações foram coordenadas pela Polícia Federal (PF) de Itajaí, com a participação da Receita Federal.

Na operação Intrusão, são investigados motoristas de caminhão e funcionários suspeitos de usarem os portos de Itajaí e Navegantes desde 2018 para a exportação de cerca de 1,5 toneladas de cocaína.

De acordo com as investigações da polícia, os casos contaram com a participação de pessoas envolvidas no dia a dia de terminais portuários de Santa Catarina. Os agentes cumpriram dois mandados de prisão preventiva, um mandado de prisão temporária e oito de busca e apreensão em endereços localizados em Itajaí, Navegantes e Xaxim.

Todos os mandados foram cumpridos, conforme a PF. Foram apreendidos uma arma, notebooks, telefones celulares e documentos.

Fonte: G1

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Troca-troca: Negociou 8 quilos de maconha por um Ford/Fiesta e acabou preso com mais 77 quilos da droga

17.09 – Um jovem de 19 anos foi preso na madrugada de ontem, na SC-108, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *