Home / Economia / Vai doer do bolso: Petrobrás anuncia novo aumento da gasolina
Slider

Vai doer do bolso: Petrobrás anuncia novo aumento da gasolina




02.02 – Após dois reajustes da Petrobrás que deixaram a gasolina 13,4% mais cara, Santa Catarina tem um novo aumento no preço dos combustíveis desde ontem (1º). Trata-se de um reajuste no valor que baseia o cálculo de ICMS, e que aumentará a fatia cobrada pelo imposto estadual.

Com o início do mês de fevereiro, passa a valer em Santa Catarina a nova tabela de Preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF), que é determinada pelos governos estaduais e publicada no Diário Oficial pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz).

Pela nova tabela, o preço da gasolina comum passa de R$ 4,33 para R$ 4,45. O diesel S10 passa de R$ 3,36 para R$ 3,47, o etanol de R$ 3,72 para R$ 3,78 e o GNV de R$ 2,88 para R$ 3,32.

É o PMPF que serve como base para o cálculo de 25% de ICMS. Com o preço mais alto, estima-se que o impacto do tributo estadual pode aumentar em cerca de quatro centavos o valor final dos combustíveis. O reajuste se soma aos outros 10 centavos que já haviam sido somados nas bombas por causa da Petrobrás.

Pela Petrobrás, nas últimas semanas o valor do litro da gasolina para as distribuidoras passou de R$ 1,98 para R$ 2,08. No fim de 2020, o preço era de R$ 1,83. O diesel chegou R$ 2,12 por litro com um aumento de R$ 0,09.

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"



Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News" no Telegram!

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

De Agosto a Dezembro – Auxílio para taxistas e caminhoneiros começa a ser pago em agosto

26.07 – Cerca de dez dias após a promulgação da emenda constitucional que ampliou benefícios …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *