Home / Policia / Coronavírus: Policia Militar interrompe Sessão Ordinária na Câmara de Vereadores de Penha
Slider

Coronavírus: Policia Militar interrompe Sessão Ordinária na Câmara de Vereadores de Penha




30.03 – Na noite de hoje (30), a Polícia Militar recebeu denúncia de que estava acontecendo Sessão Legislativa Ordinária, no Plenário Expedicionário Milton Fonseca, na sede da Câmara de Vereadores de Penha, onde aproximadamente 10 pessoas estavam reunidas.

A reunião contrariou o Decreto Estadual de 23 de março, assinado pelo governador Carlos Moisés, em razão da quarentena para combater o avanço das contaminações do novo coronavírus. A Sessão foi interrompida e foi lavrado um Termo Circunstanciado  contra o presidente da Câmara de Vereadores de Penha, Isac Hamilton da Costa.

Segundo o Artigo 268 do Código Penal,  infringir determinação do Poder Público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa a Pena poderá acarretar em detenção, de um mês a um ano, e multa.

Contraponto

Segundo o presidente da Câmara os vereadores na zona de risco, que são três, não compareceram à sessão. “Decidi realizar a reunião a portas fechadas, seguindo todas as recomendações da OMS e do Ministério da Saúde, conforme estão seguindo os bancos, lotéricas e serviços essenciais como os supermercados. Não abrimos a Câmara para o público externo e acredito que o nosso trabalho precisa ser cumprido. Os vereadores têm papel fundamental neste momento de crise. A Câmara de Penha, por exemplo, vai repassar em torno de R$ 500 mil para a prefeitura usar no combate ao coronavírus, o que foi amplamente divulgado. A PM esteve na Câmara a pedido do Ministério Público e aguardou o final da sessão para falar comigo. O Termo Circunstanciado é um procedimento administrativo comum e que eu irei prontamente responder, sempre respeitando o momento que vivemos”, argumentou o vereador Isac Costa.

Por: Vilmar Carneiro

Receba notícias direto no seu celular!
Participe do grupo "Noticias Região do Carneiro News"

Sobre Vilmar Carneiro

Vilmar Carneiro
Formado em Jornalismo pela Univali - Universidade do Vale de Itajaí. Passagens profissionais por: Rede de Comunicação Eldorado (RCE/TV- Itajaí), Jornal de Santa Catarina (Agencia RBS/Notícias), Jornal A Notícia, Diário do Litoral (Diarinho) e diretor de jornalismo da extinta Rádio Aquarela FM.

Confira também

Balneário Camboriú: Funcionário dos Correios é preso pela Polícia Federal

06.12 – A partir de informações repassadas pela Agência dos Correios de Balneário Camboriú, a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *